domingo, 28 de fevereiro de 2016

Capítulo 74 ✌️



Como prometido dedicado a aniversariante de ontem. Feliz aniversario Lu

    Cuidar de gêmeos parece difícil e na pratica é muito mais. Me vi quase louca uma semana depois que as meninas nasceram, quando o Junior teve que voltar pra Barcelona. Sorte que sempre tive dois anjos na minha vida, tia Nadine e a minha mãe. Se não fosse elas, não sei o que faria. Me ajudaram em tudo, tudo mesmo, desde os cuidados mais simples com um bebê, até as dicas que só mãe entende. O primeiro mês das minha princesas, foi sem dúvida o melhor e mais intenso mês da minha vida. Não sei mais o que é dormir, comer no horário ou cuidar de mim. Deixei de ser minha, sou delas. Descobri que mãe não têm tempo para o ensaio: estreia a peça no susto, e aprende a pilotar o avião em pleno voo. E agora entendo que quando nasce um bebê nasce uma empreiteira. Capaz de cavar a estrada quando não há caminho, só para poder indicar: "É por ali, filho, naquela direção". Hoje eu sei porque a leucemia não me levou, foi por elas,  pra que eu pudesse chegar aqui, pra que pudesse me tornar mãe da Manuela e da Isabella e a mulher mais feliz do universo, porque sou mãe, e não existe felicidade maior, do que poder amar um filho. Imagine dois ?
***
   As meninas completaram um mês ainda no Brasil, e viemos pra Barcelona dois dias depois. Já não aguentava mais de saudades do meu preto, e ele também estava morrendo de saudades da gente. Finalmente, estamos juntinhos, e o melhor de tudo no nosso cantinho. Só nos quatro. Ah e o pequeno grande Poker. Não consegui encontrar palavras para definir o tamanho do que senti quando passei pela porta de entrada da NOSSA casa pela primeira vez, e me dei conta de onde estava. Um sentimento imensurável me consumiu. Mais do que uma casa, aqui é o nosso lar. Aprendi desde pequena que lar é onde mora o coração, e sem duvida alguma aqui é onde mora o meu. Aliás a nossa casinha ficou perfeita. Cada detalhe foi pensando com muito carinho, visando o nosso conforto. Não consegui decidir por qual cômodo fiquei mais apaixonada, porque todos ficaram incrivelmente lindos. Na frente da casa temos um jardim e a garagem. No primeiro andar a cozinhasala de jantar sala de televisão, o banheiro principal, o escritório, a academia e a sala de jogos. No segundo andar distribuídos em um grande corredor ficam, nossa suíte e o nosso banheiro, de frente o quarto das meninas e o banheiro delas, e ao lado o quarto do Davi e o banheiro dele. O mesmo andar ainda conta com o quarto de brinquedosoutro banheiro principal e dois quartos de hóspedes. Na parte dos fundos, a área de lazer, com churrasqueirapiscina, playground e a casinha do Poker. Cada  comodo da casa ficou impecável, a Ju realmente fez um excelente trabalho aqui 
***
   Assim que chegamos em Barcelona um festinha de mesversario estava a nossa espera na cozinha de casa. Organizado e preparado pela tia Rafa e a Marcela. Tudo em rosa bebê com o tema bailarina. Fiquei simplesmente apaixonada, e apesar das meninas estarem dormindo tiramos muitas fotos e mesmo atrasado comemoramos muito o primeiro mês de vida das razões da minha vida, porque sem duvidas foi um mês que mereceu comemoração. E o Bernardo que esta encantado com as primas, se divertiu a beça com o balões e os docinhos, esse meu afilhado é uma figura. (...) Depois da festinha e de ter conseguido desfazer algumas das malas, e ter feito as meninas dormirem, eu e o Junior finalmente conseguimos cair na nossa caminha pela primeira vez e capotamos exaustos e agarradinhos. Acordei as 5h da manhã com um chorinho que me acorda todos os dias, mas que ao mesmo tempo é a alegria dos meus dias. Manuela não falha. Levantei cambaleando e o Neymar acordou assustado. 
Fernanda: dorme de novo, vou dar mama - soltei beijos e sai do quarto. Entrei no quartinho delas e a Isabella também já estava chorando, mesmo sendo mais preguiçosa ela sempre acorda com o chorinho da irmã. Coloquei a Bella no carrinho e o mesmo perto da poltrona. Peguei a Manu no colo, sentei na poltrona, abaixei um lado do meu baby dool e coloquei a gordinha pra mamar, enquanto com o pé eu balançava o carrinho da Bella pra ela parar de chorar. A Manu mamou por uma meia hora, a fiz arrotar e a mesma dormiu. Coloquei-a de volta no berço e peguei a Isabella, repeti o mesmo processo e depois dela já estar alimentada e dormindo , fiquei babando mais um pouquinho nelas e voltei pro meu quarto. Já passavam das 6h e o Ju dormia feito um anjo. Sentei na cama e fiquei observando por largos minutos, namorando-o só com o olhos. O meu sono tinha ido pro espaço então antes que eu acordasse meu pretinho resolvi ir estrear a academia. Fui pro closet, vesti um top e um short, prendi meu cabelo em um rabo de cavalo, calcei meu tênis, peguei o celular e os fones de ouvido e desci. Passei na cozinha, fiz uma vitamina, bebi, lavei o que sujei e fui pra acad ouvindo Justin Bieber. Malhei por um pouco mais de meia hora e suei pra caramba. Desde que as meninas nasceram eu tenho arrumado sempre um tempinho pra malhar e praticamente já voltei ao meu corpo de antes. Subi direto pro quarto das meninas pra ver se tava tudo bem com elas, e como ainda continuavam dormindo tranquilamente fui pro meu quarto. Neymar só havia mudado de posição mas continuava dormindo. Entrei no closet pra escolher o que vestir, peguei um vestidinho soltinho na cor vermelha e peças intimas limpas. Voltei pro quarto e levei um susto quando dei de cara com o Ju.
Junior: estava malhando é ? - abraçou minha cintura e começou a beijar meu pescoço
Fernanda: tenho que correr atrás do prejuízo né ? - ri
Junior: não sei que prejuízo, ta gostosa pra caralho - apertou minha bunda
Fernanda: como você consegue já acordar assim ? - ri
Junior: estou a mais de um mês sem lembra ? - começou a beijar meu pescoço - as meninas estão dormindo ?
Fernanda: estão - suspirei diante dos labios dele na minha pele - estou suada e nojenta - tentei sair dele
Junior: nada que um banho não resolva - riu com malicia e sem que eu estivesse esperando me pegou no colo. Enrosquei minhas mãos em seu pescoço e ele nos levou ao nosso banheiro. Me colocou sentada em cima do balcão e me encarou sorrindo cheio de expectativa. Voltou a beijar meu pescoço, enquanto acariciava minha barriga com as pontas dos dedos, me deixando arrepiada. Subiu meu top lentamente, e com a minha ajuda se livrou dele. Desceu seus beijos pros meus seios e meus mamilos se eriçaram com um simples toque dos lábios dele. Soltei um leve gemido e joguei a cabeça pra trás. Ele fez uma trilha de beijos e mordidas até o meu umbigo, onde brincou com a lingua e fez com que meu ventre contraísse. Se livrou do meu short e subiu me beijando desde a ponta do dedão até o alto das minhas coxas. Voltou a se dedicar ao meu pescoço enquanto sua mão desceu pra dentro da minha calcinha, e um de seus dedos me penetrou. Gemi e ele sorriu. Me dei conta de que seus labios ainda não haviam tocado os meus o que me fez sentir ainda mais vontade em ser beijada por ele.  Seu dedo entrava e saia de mim, ao mesmo tempo que seu dedão se divertia em meu clitóris, me levando a loucura. Só levou alguns minutos pra que eu atingisse o meu primeiro orgasmo. Soltei meu corpo sobre o dele e ele me pegou no colo me levando pra de baixo do chuveiro. Abriu o mesmo e deixou que a água caísse molhando nossos corpos enquanto nos encarávamos em silêncio.  Nossos olhares conversavam e se entendiam perfeitamente, sem que nenhuma palavra precisasse ser dita. Só me dei conta de que ele já estava sem cueca quando ele me penetrou, ainda comigo e no colo, e finalmente me beijou abafando os meus gemidos. Segurou no meu bumbum pra controlar os movimentos, que estavam tantos lentos que a cada estocada só me faziam implorar por mais e mais. O prazer irradiava pelo meu corpo, ele sabia muito bem o que estava fazendo e sabia fazer muito bem aquilo. No quesito me levar a loucura, sempre tirou 10. Pobre das costas dele que tiveram que aguentar as minhas unhas. Aumentou o ritmo dos movimentos quando percebeu que eu já estava quase lá e eu só intensifiquei ainda mais o beijo. Suas estocadas eram forte,mas ele nunca deixava de ser carinhoso. Me vi perdida em sensações e atingi meu ápice novamente, desmontando em seu colo. Umas duas estocadas depois ele também gozou me abraçando com toda força enquanto gemia meu nome. Terminamos tomando banho juntos, trocando beijos e carinhos durante todo o tempo que permanecemos no box. Sai primeiro, me sequei, me vesti, penteei o cabelo e fui pro quarto das princesinhas porque um chorinho já ecoava pela casaEra a Isabella, estava com a fralda suja de coco, aproveitei e já lhe dei um banho. Vesti ela só com o body de manguinha pois o tempo não estava muito fresco. Ela mamou e dormiu. Coloquei-a no carrinho e tive que acordar a minha preguicinha pra lhe dar um banho também. Depois de banho tomado, ela também mamou e dormiu novamente, que vida boa. Coloquei-a no outro carrinho, abri as cortinas pra clarear o quarto, deixei-as dormindo e sai. Ainda no corredor senti um cheirinho muito bom vindo da cozinha e foi pra lá que eu fui porque a minha barriga já estava roncando. Neymar estava no fogão preparando nosso café da manhã e a mesa já estava posta, só faltava o que ele estava terminando de preparar.
Fernanda: hmmmmm, que prendado - abracei-o por trás e beijei sua bochecha
Junior: a Ma me ensinou a fazer panquecas - selou nossos labios
Fernanda: se estiver tão boa quanto o cheiro - ri com o nariz
Junior: espero que estejam - terminou de colocar as coisas na mesa e nos sentamos pra comer. Recheei a minha panqueca com nutella e morango e me acabei nela. O que adianta malhar Fernanda ? Ainda comi uma fatia de pão com requeijão e tomei um copo de suco. Junior me ajudou com a louça, e obvio que não deixamos de fazer uma bagunça básica enquanto organizávamos a cozinha.
Fernanda: acho bom você não ficar sem camisa perto dos seus companheiros no treino hoje - ri enquanto o analisava de costas, minhas unhadas haviam ficado bem feias
Junior: esta doendo
Fernanda: você é o unico culpado aqui
Junior: a sou é ? - me prensou contra o balcão
Fernanda: com certeza é - ri e sem perder tempo seus labios grudaram nos meus dando inicio a um beijo que não quis conhecer seu fim facilmente. Sou perdidamente viciada em seu beijo, quanto mais eu tenho mais eu quero - você não tem que treinar ? - falei desgrudando a minha boca da dele, tentando recuperar o ar.
Junior: caraca - olhou no relogio em seu pulso - estou atrasado
Fernanda: ta vendo, fica me beijando - ri
Junior: não tenho culpa se você não consegue parar de me beijar
Fernanda: eu não consigo ?
Junior: sim ,você
Fernanda: é você que vive me beijando querido - ri
Junior: aham, fui eu que fiquei implorando por mais lá em cima né ? - gargalhou
Fernanda: vai pro seu treino vai ridículo - empurrei-o. Ele ainda me roubou mais um beijo e subiu rindo pro quarto pra vestir uma camiseta e pegar suas coisas. Desceu de volta minutos depois e pelo tempo que gastou, com toda certeza ficou babando nas filhas um pouco.
Junior: to indo - selou nossos labios - daqui a pouco a Ma esta chegando ai, e a minha mãe também vai vir pra te ajudar, qualquer coisa me liga
Fernanda: relaxa - lhe dei um beijinho de esquimó. Ele beijou minha testa e saiu. Deitei no sofá e fiquei caçando algo pra assistir. Aos poucos o sono foi batendo e eu subi. Peguei o carrinho das meninas e levei-a pro meu quarto pra ficar mais pertinho de mim. Deitei no meio da cama abraçada aos varios travesseiros que estavam ali e em poucos minutos estava dormindo. Acordei com as elas chorando. Dei mama pras duas, uma de cada vez e como elas não voltaram a dormir, deixei-as deitadinhas na cama enquanto babava nas duas.
femaestrine: e já tem um mês que vocês mudaram a minha vida, colocaram tudo de cabeça pra baixo e me fizeram enxergar que felicidade e amor estão em cada pequeno detalhe. Gratidão a Deus pelos melhores presentes que já ganhei.

lifornjr: posta foto dos rostinhos delas
njrmyair: olha esses pezínhos que fofura
sexyneymar: finalmente sumida
gangueneymar: Fer estamos loucas pra conhecer o rostinho delas, posta foto
iphonedafe: estava morrendo de saudades
njranjosemasas: com quem elas se parecem mais ?
crazyforfeju: ELAAAA VOLTOOOOU
hannatamyres: coisinhas mais gostosas
natiguedes: eu mordo
gabiarantes: já estou morrendo de saudades
myboynjr: já perdeu quantos kg ?
foryoufeju: cria um blog pra contar pra gente como tem sido ser mãe de gêmeas

   Já fazia algum tempo que eu não postava nada no meu instagram, por conta das meninas que gastam todo o meu tempo e também porque nos últimos dias tive que me preocupar em organizar toda a nossa viagem pra ca, então já estava ciente de que elas iriam surtar quando eu voltasse kkkk. Ainda mais que ainda não postei foto dos rostinhos das meninas, na verdade tanto eu quanto o Junior postamos poucas fotos das duas até agora, e eu entendo o quanto as meninas estão ansiosas pra conhecerem elas, mas minha gordinhas ainda são muito novinhas e merecem privacidade. Bateram na porta e  dei permissão pra entrarem. Era a tia Nadine.
tia Na: bom dia - essa mulher esta sempre sorrindo e o sorriso dela ilumina o dia de qualquer um
Fernanda: bom dia tia - levantei e nos abraçamos
tia Na: como foi a noite ? Ela estranham aqui ?
Fernanda: por incrível que pareça não, dormiram super bem no quartinho delas - sorri
tia Na: que bom - sorriu - oi princesas da vovó - pegou a Bella no colo e sentou na cama. Passamos o restante da manhã ali mimando as duas, e conversando. Os concelhos da tia são sempre muito bem vindos, até porque ela criou dois filhos incriveis. Neymar voltou pra casa na hora do almoço e nós almoçamos juntos uma lasanha de frango deliciosa da Marcela 

(...)

    Uma semana se passou e apesar de estar estranhando um pouco, até que tenho me adaptado bem a minha nova casinha, a minha nova vida, a minha nova rotina e até ao fuso. Tem sido um pouco dificil cuidar das meninas sozinhas, porque o Junior passa mais tempo nos treinos do que em casa, e eu continuo insistindo que não quero nenhuma babá. A Rafinha que estava me ajudando, teve que voltar pro Brasil com o Bê por conta das obrigações dela e a tia Nadine foi junto pra resolver umas problemas, então a Ma é a unica que tem estado comigo, e ainda sim só pra cozinhar ou me ajudar na hora do sufoco mesmo. Neymar esta concentrado hoje porque joga amanhã e parece que tudo resolveu colaborar, Isabella acordou com uma cólica que não queria passar por nada, e a Manuela esta manhosa porque esta com gripe a uns dois dias. Nessas horas a gente tem que se desdobrar em mil pra dar conta. Não sei quem acudir primeiro quando as duas choram desesperadas, e acabo chorando junto. Bate até uma vontade de desisti de tudo. Liguei pra minha mãe quando já não sabia mais o que fazer e ela salvou o dia. Quando anoiteceu e eu finalmente consegui colocar as meninas dormindo na minha cama senti um alivio imenso. Mesmo que a madrugada fosse longa, o dia dificil já havia passado. 
femaestrine: me tornar mãe foi a coisa mais incrível que já me aconteceu e também o maior desafio da minha vida. Aprendo a cada dia, cresço a cada dia. Alguns dias são mais difíceis que outros. Hoje por exemplo não foi um dia muito facil. Bella com colica, Manu gripadinha, papai na concentração e a mamãe quase enlouquecendo sem saber quem acudir primeiro. Mas graças a Deus chegamos ao fim de mais um dia, mamãe exausta, menininhas limpinhas, cheirosinhas, amamentadas e dormindo um soninho gostoso. Nada como um dia após o outro, que amanhã seja melhor do que hoje, boa noite.
     Tomei um banho rapido mas relaxante, vesti um moletom e liguei pro Junior. Ficamos conversando e eu contei tudo que aconteceu no nosso dia, o que o fez voltar a tocar no assunto de pelo menos uma babá, e eu estou cogitando aceitar. Ele teve que desligar porque ia jantar com os companheiros e eu aproveitei pra entrar no grupo das meninas, já que estava morrendo de saudades delas. 
Fernanda:
ufa Bella e Manu finalmente dormindo 
o dia foi puxado 
Gabi:
estão doentinhas ? 
Rafa
aqui também foi 
Bê caiu na escolinha e cortou a boca 
fiquei desesperada quando a professora me ligou 
Carol:
isso já aconteceu com o Davi também Rafa 
a gente se desespera mesmo 
mas logo logo ele já vai estar fazendo arte de novo 
Rafa
já esta haha
Fernanda
estão Gabi, Bella com gripe e Manu com colica 
fiquei quase louca 
Nati:
Se a Ju já me deixa de cabelo em pé imagina com duas ?
Surto só de pensar haha 
Fernanda:
mas as alegrias são em dobro 
e o amor também 
Carol:
Olha o meu mocinho 












Rafa:
coisa mais linda da tia *-*
Nati
o bom de ser mãe de menina é que a gente ganha uma amiga pra todas as horas 
Juju é minha vida 












Rafa
amo ser mimada pelo meu pequeno principe 

Gabi:
olha essa foto Rafa, Gustavo quer morrer com o dois kkkk

Fernanda
que princesa que a Stella esta
na verdade todos estão né 
Carol
filho é a maior benção que a gente ganha na vida 
Nati
quem diria né nós cinco aqui, todas mãe
vivendo os melhore momentos de nossas vidas 
Fernanda:
se me dissessem a alguns anos atrás 
que hoje as nossas vidas estariam assim 
eu com certeza não iria acreditar 
Rafa:
trocamos baladas por 
casa marido e filhos 
quem diria ? kkkk
Gabi
ah mas nada impede que a gente vá pra balada
kkkkkkk
Fernanda:
com certeza 
quando eu for pra i precisamos reunir e sair pra comemorar 
Carol:
motivos pra comemorar tem de sobra 

     Perdi a noção do tempo conversando com elas e acabei pegando no sono. Acordei de madrugada só pra dar de mamar pras meninas e voltei a dormir. De manhã os meus dois despertadorzinhos matinais me acordaram e mesmo dando de mamar levei algum tempo pra conseguir acalmar as duas. A Manu estava um pouco quentinha, verifiquei a temperatura com um termômetro e já estava passando de 38°C. Dei banho nela primeiro, escolhi um macacão vermelho e a vesti. Consegui fazer com que ela dormisse e coloquei-a no carrinho pra poder dar banho e arrumar a Bella. Quando finalmente consegui terminar de arrumar a Isabella, organizei a bagunça que tinha feito no quarto delas, deixei as duas dormindo nos carrinhos, liguei a babá eletrônica e fui pro meu quarto. Cacei o numero do pediatra delas na agenda do meu celular, liguei pro mesmo e falei com a secretaria dele. Por muita sorte tem um medico amigo dele que tem um consultório aqui em Barcelona, e a secretaria conseguiu uma consulta pra meninas agora de manhã. Agradeci umas dez vezes e depois que desliguei, arrumei a cama e fui tomar um banho. Chorei pra caramba em baixo do chuveiro, sem nem saber direito o porque estava chorando, talvez por cansaço, ou porque a vontade de ter a minha mãe por perto estivesse me matando aos poucos. Sai do box, me sequei, soltei o coque do cabelo, passei hidratante, vesti minhas peças intimas e voltei pro quarto. Me vesti rapidamente, com o primeiro look que vi, calcei uma alpargata, passei um pouco de perfume, peguei minha bolsa e desci. Quando parei pra olhar meu celular, vi que tinha um sms do Neymar 
"Bom dia amor, as meninas melhoraram ? Como vocês estão ? Estou com saudades e louco pra voltar pra casa, amo vocês. "
   Sorri e guardei o celular de volta na bolsa, deixando pra responder depois, porque eu estava faminta e tinha acabado de entrar na cozinha, onde encontrei a Marcela.
Fernanda: bom dia Ma - dei um beijo nela 
Marcela: bom dia Fefe, e as meninas ?
Fernanda: estou quase ficando louca, já não sei mais o que fazer 
Marcela: você precisa de uma babá Fer 
Fernanda: é, preciso - sim eu estava sedendo, não dava mais pra ficar sem uma babá 
Marcela: o que quer comer ?
Fernanda: só uma banana com aveia - peguei os ingredientes pra misturar. Comi enquanto conversava ou melhor desabafava com a Ma, e ela é uma otima ouvinte. Só por ter alguém pra ouvir e poder falar já me senti muito mais leve, apesar da minha cabeça estar doendo. Terminei de comer e subi pra colocar as meninas nos bebês confortos. A Marcela me ajudou a levar elas pro carro e se ofereceu pra ir ao consultório comigo. Coloquei o endereço no gps e gastamos uma meia hora pra chegar. Estacionei, saímos do carro, eu peguei a Bella e ela a Manu, entramos no consultório, com um pouco de dificuldade porque o meu catalão não é lá essas coisas, dei meu nome na recepção e ficamos aguardando na sala de espera. Aproveitei pra mandar uma mensagem pro Ju e ele me ligou 
Junior: esta em qual pediatra ? O que as meninas tem ?
Fernanda: liguei pro pediatra delas e ele me indicou um amigo brasileiro que trabalha aqui. A Manu ta gripada e não esta nem conseguindo respirar direito, pra piorar acordou com febre 
Junior: porque não me avisou antes ?
Fernanda: você esta concentrado não queria te preocupar 
Junior: ja falou com o pediatra ?
Fernanda: não, vamos entrar agora 
Junior: me liga quando sair então 
Fernanda: ta 
Junior: se cuida - ele desligou e o doutor Gabriel nos chamou. A Ma entrou comigo e eu já fui logo explicando pro médico tudo que estava acontecendo nos ultimos dias. Ele provavelmente percebeu de cara, por conta do meu desespero, que eu sou mãe de primeira viagem, e logo de duas. 
Dr. Gabriel: Fernanda né ? - assenti e ele sorriu - primeiro fica calma e coloca a bebê na maca pra eu poder examinar - coloquei a Manu deitadinha na maca e despi sua roupinha. (...) Ficamos no consultório por quase 1 hora, ele receitou um remedinho pra quando elas tiverem cólicas e remédios pra gripe da Manu. Sem contar que me encheu de recomendações e conselhos e eu sai do consultório um pouco mais aliviada. Voltamos pra casa e a Ma foi preparar o almoço enquanto eu fiquei com as meninas e liguei pro Junior pra tranquiliza-lo também. O restante da manhã foi um pouco mais tranquilo , porque as meninas dormiram quase o tempo todo, acho que por causa do remédio, então consegui almoçar e na parte da tarde assisti até um pouco do jogo, que o Barcelona acabou perdendo por 1x0 :(. A Marcela deixou nosso jantar pronto e foi embora perto das 18h. Dei banho nas meninas e dei de mama, apesar de que elas pouco mamaram por estarem enjoadinhas. Aproveitei que elas dormiram novamente, pra tomar um banho e deitar na minha cama um pouco. Quando o Neymar chegou nem falou comigo, foi direto pro banheiro. Efeito da derrota. Descemos pra jantar e todas as vezes que eu puxei conversa ele deu respostas curtas e grossas, o que me fez desistir de tentar conversar. Só se interessou mesmo em saber como as filhas estavam e passou um tempo com elas pra eu poder lavar a louça e organizar a cozinha. Quando subi e entrei no quarto das meninas a Manu estava chorando tanto que já estava até vermelhinha.
Junior: ela não quer parar de chorar 
Fernanda: me da ela aqui - peguei-a em meus braços - o meu amor calma - acariciei sua cabecinha - esta com febre de novo - senti meu coração se apertar. Tentei dar de mamar e ela não quis 
Junior: o que a gente faz ?
Fernanda: vou dar um remédio e esperar a febre baixar  - ele ficou com a Bella enquanto mediquei a Manuela e fiquei tetando fazer ela parar de chorar. Ela chorou até sem vencida pelo cansaço e dormir. Como a Isabella ainda estava acordada fiquei com ela e o Junior foi pro nosso quarto, já passava da meia noite e ele estava cansado, não que eu não estivesse, mas parar todos os efeitos ele trabalhou a tarde e eu não. Acabei pegando no sono sentada na poltrona com a Bella nos braços e acordei assustada com a Manu gritando de novo. A Isabella também acordou, mas deixei-a no berço pra pegar a Manu, que por mais que eu tentasse não parava de chorar. Fiz de tudo, mas foi em vão. Liguei até pro pediatra e mesmo seguindo as recomendações dele, ela não parou.
Junior: da pra fazer ela parar de chorar ? - abriu a porta do quarto todo estupido 
Fernanda: estou tentando 
Junior: eu tenho treino amanhã, preciso dormir - ele estava tão grosso que era muito obvio que estava descontando em mim a frustração pela derrota do seu time 
Fernanda: eu não tenho culpa se o Barcelona perdeu - ele me fuzilou com o olhar e bateu a porta do quarto - obrigada, ajudou muito - quase gritei. Ridículo. Senti o meu corpo pesar de repente e as lagrimas vieram com toda força - Manu para por favor - solucei - filha por favor - deitei no chão do quarto e coloquei-a em cima da minha barriga com a cabecinha entre os meus seios. Como em um passe de magica, ela foi se acalmando até dormir, e eu quase nem acreditei. Passei mais de uma hora deitada no chão, olhando pra ela, sem conseguir acreditar que ela realmente havia parado de chorar e estava dormindo. Levantei com todo cuidado e deitei-a no berço, ao lado da irmã que tinha sido vencida pelo sono a um bom tempo atrás. Rezei pra que ela dormisse, pelo menos até o dia clarear, porque eu sinceramente não tinha mais forças. Fechei a porta do quarto com cuidado e escorreguei por ela do lado de fora. Abracei os meus joelhos e voltei a chorar. Eu devo ser uma péssima mãe, não consigo fazer nada direito. Sou horrível. Nunca pensei que a maternidade seria tão difícil. Estou exausta. Meus soluços foram ficando cada vez mais altos. Queria tanto ter o colo da minha mãe ali pra me acalmar. Achei até que estivesse sendo abraçada por ela, e quando me dei conta o Junior estava sentado no chão ao meu lado, abraçado comigo.- sou uma péssima mãe 
Junior: desculpa - me dei um beijo na têmpora - eu não deveria ter te deixado sozinha, nós precisamos passar por isso juntos. Desculpa por ter descontado em você algo que você não tinha nada a ver - não consegui dizer nada só chorar - amor por favor me desculpa, para de chorar - tentou secar minhas lagrimas 
Fernanda: eu não consigo - o abracei e ele me apertou em seus braços, fazendo com que as partes do meu mundo que pareciam estar fora do lugar fossem voltando pros seus lugares lentamente. - vamos contratar uma babá 
Junior: vamos, nós vamos - beijou todo o meu rosto 
Fernanda: eu não quero que isso destrua a nossa relação 
Junior: e não vai, pelo amor de Deus Fernanda, não pense nisso, eu posso ser um completo idiota mas você e as meninas são tudo que eu tenho, nunca deixaria que uma fase difícil nos separasse - selou nossos lábios demoradamente - agora vem - ficou de pé e me ajudou a levantar. Me abraçou de lado e sinceramente eu não tinha forças nem pra caminhar. Ele me conduziu até a cama e me ajudou a deitar. Me encolhi toda e continuei chorando baixinho, por mais que eu quisesse não conseguia parar. Ele me abraçou e acariciou meus cabelos até eu finalmente conseguir pegar no sono. Apaguei e não sei por quantas horas dormi, o que me fez estranhar ainda mais o fato de que quando acordei a casa parecia estar em silêncio. O meu corpo ainda estava exausto e a minha cabeça doía. Tentei levantar mas a porta se abriu e eu fiquei onde estava. Neymar entrou no quarto com uma bandeja de café da manhã nas mãos e um sorriso no rosto. Por alguns segundos pareceu que o dia de ontem tinha sido só um pesadelo. 
Fernanda: o que é isso ?
Junior: esta com fome ?
Fernanda: as meninas não acordaram pra mamar ? - tentei levantar e ele me barrou 
Junior: elas estão bem 
Fernanda: como estão bem ? A Manu estava com febre de madrugada 
Junior: eu chamei o pediatra logo pela manhã e a Manu esta com infecção de ouvido, por isso tanto chorou. Ela medicou ela e agora ela esta calminha, nem parece a mesma bebê. Você estava apagada por isso não te acordei, e a minha mãe disse que as meninas poderiam tomar suplementação, uma vez não teria problema. Ah contratei uma babá, na verdade só faltava você concordar pra que ela viesse pra cá 
Fernanda: por quanto tempo eu dormi ? - parecia que havia se passado dias, não era possivel que ele tinha feito tantas coisas em tão pouco tempo 
Junior: são 10h da manhã, não foi por muito tempo - puxei seu rosto pra perto do meu e o beijei, pegando-o completamente de surpresa, nós dois precisávamos daquele beijo  - você precisa comer, a babá esta ansiosa pra te conhecer - tomei meu café enquanto ele me mimava e ainda não estava conseguindo acreditar que as coisas tinham mesmo mudado da noite pro dia. Assim que acabei de comer, troquei de roupa e nós fomos pro quarto das meninas. - Louisa essa é a Fernanda, amor essa é a babá - nos apresentou, e ela era uma moça jovem, talvez até mais nova do que eu, de pele clara e cabelo escuros caidos sobre os ombros. Não dava pra negar o quanto era bonita e parecia ser daquele tipo de gente que ama crianças.
Louisa: pode me chamar de Lou - sorriu simpatica - prazer 
Fernanda: Fer prazer - sorri e nos cumprimentando 
Louisa: eu já dei banho nelas e acho que agora elas estão com fome - ficamos ali conversando enquanto eu amamentava minhas gordinhas, que agora estavam bem mais tranquilas. Expliquei pra Louisa toda a nossa rotina, e ela me pareceu muito competente no que faz. Quando as meninas dormiram eu e o Ju voltamos pro nosso quarto e a Lou desceu pra cuidar de algumas coisas.
Fernanda: você não tinha treino ? 
Junior: tenho que ir pro ct só na parte da tarde - sentou na cama ao meus lado - gostou dela ?
Fernanda: gostei, mas acho bom ela ficar bem longe de você, porque se não eu mato ela  
Junior: ai Fernanda não viaja - revirou os olhos e riu 
Fernanda: e você também 
Junior; para de ser boba - selou nossos lábios - ela é só a babá 
Fernanda: acho bom mesmo - ele riu e eu até tentei manter a pose de durona mas não tem como se controlar por muito tempo ouvindo a risada dele. Deitamos na cama um de frente pro outro e ficamos nos encarando em silêncio enquanto brincávamos de entrelaçar nossos dedos e riamos - sinceramente nunca imaginei a minha vida assim - me aconcheguei em seus braços - ainda mais depois de tudo que passamos - suspirei
Junior: que contraditório - riu - eu sempre sonhei com isso, mesmo no momentos mais difíceis mantive a esperança de que um dia iriamos chegar até aqui - seu sorriso aqueceu meu coração e não resisti em beija-lo. Acredito que se um casal consegue superar os momentos difíceis, os momentos bons se tornam melhores ainda. Se amanhã amanhecer nublado de novo, e ele estiver do meu lado vamos dar um jeito de fazer o sol voltar a brilhar. 


Eu sei que vocês estão querendo me matar, e tem toda a razão
Mas eu não abandonei o blog ta ? Só não sei mais o que escrever :/
Sorry por esse cap pessimo, estou totalmente sem criatividade 
Então por isso fiquem a vontade pra mandarem ideias, estou precisando
Gostaram da casa nova deles ? E da babá ?
Como devem ter percebido pela imagem de fundo o casamento vem ai 
Se prepararem porque ta chegando o tão esperado #casamentofeju

61 comentários:

  1. Eu Ameiii Demais Não Some Mais Por Favor Mulher

    ResponderExcluir
  2. Muito bom arrasou , só não faça ele ter nenhum caso ou se apaixonar pela empregada , faça com que ela se torne uma amiga para eles acho que a babá deveria se relacionar com o Jota , acho que o Njr deveria fazer uma supresa trazendo a mãe da Feeh pra ajuda la

    ResponderExcluir
  3. Muito bom arrasou , só não faça ele ter nenhum caso ou se apaixonar pela empregada , faça com que ela se torne uma amiga para eles acho que a babá deveria se relacionar com o Jota , acho que o Njr deveria fazer uma supresa trazendo a mãe da Feeh pra ajuda la

    ResponderExcluir
  4. Que saudades que eu estava❤️ Tive vontade de matar o Junior que deixou a Fer sozinha com as meninas, blz ele taca cansado mais oq custa ajudar, e ainda vai reclamar pq ela tá chorando. Pelo amor ne queridinho.
    Essa baba, suspeito
    Camila

    ResponderExcluir
  5. Não faca a baba ser oferecida , e ajeita ela pro jota podia ne ? femar <3 / @neymareterno .... Lidi aq

    ResponderExcluir
  6. Eu AMEI esse capítulo. Não deve tá sendo fácil a vida da Fer, mas ela tem o melhor companheiro da life, né? Tô amando essa família!

    ResponderExcluir
  7. Concordo com o comentário da Jacque, a Babá deveria ser uma super amigas da Ter e a mãe da da própria ir passar um tempinho com ela. Eu queria que no próximo cap tivesse mais fala, se não me engano, esse cap foi mais uma atualização da nova vida da Fer. Teve um capítulo que você falou que essa história não teria o final como os outros (algo assim) e toda vez que alguém fala de FeJu meu coração fica apertado. Eu espero que isso seja só um erro de interpretação da minha parte. E que venha #casamentoFeJu. Quero um casamento bapho haha
    ~Letícia

    ResponderExcluir
  8. ameei demais, a cada capitulo eu fico mais apegada ainda.. nao faz nada entre o junior e a baba, e gostei da ideia dela se relacionar com o Jota!!! haha continuaa e n demora pra postar. -Fer

    ResponderExcluir
  9. Amei concordo com as meninas ai de cima da babá com o jota

    ResponderExcluir
  10. COMO NÃO AMAR O QUE VOCÊ ESCREVE? <3 Algo impossível né? Sou completamente apaixonada pela sua escrita e a forma como você retrata a realidade o mais possível das suas histórias. Amei ler essa parte da maternidade da Fê, porque como você mostrou é sim uma coisa maravilhosa, mas ainda sim não é fácil. Sou apaixonada por esse casal e mal posso esperar pra ver o casamento desses dois! Casamento mais esperado pelo universo das fic's kkk <3

    ResponderExcluir
  11. perfeio nao demora pra postar pfv

    ResponderExcluir
  12. Nossa esse capítulo tá maravilhoso , já tô anciosa pra ver o proximo capítulo


    Já tô anciosa pra ver o proximo capítulo , continua logo por favor !!!




    continua logo por favor !!!
    continua logo por favor !!!
    continua logo por favor !!!
    continua logo por favor !!!
    continua logo por favor !!!
    continua logo por favor !!!
    continua logo por favor !!!
    continua logo por favor !!!
    continua logo por favor !!!
    continua logo por favor !!!
    continua logo por favor !!!

    ResponderExcluir
  13. Aah, chorei junto com ela.
    Amor de Má e não se mede.
    Júnior, um fofo com.ela.
    Ameeei capítulo.

    ResponderExcluir
  14. A lou e a fernanda poderiam se tornar amigas, pq daí a fernanda não se sentiria tão sozinha nessa nova vida... Ta top, continua por favor !! E ah quero livmar tbm :(

    ResponderExcluir
  15. Lara chama no wpp q eu perdi teu numero

    ResponderExcluir
  16. Flor tbm acho q a ideia dele ficar com a baba nao eh legal. Mas acho q eles podiam se desentender smp, e ela resolver dar um tempo aki no Brasil. E nessa ela podia ir p ksa da mae dela.. E acaba ficando por aki, a baba vir de la e tbm fica aki. Qnd junior se der conta vir atrás, nisso o contrato dele se inserar e ele volta pro Brasil e fica c fe e as meninas. Mas fica a seu critério, o q fizer sei q vai ficar top. Li faz dias o cap.mas não consegui comentar. Mas ta ai.. E quero capitulo novo, plis.kkk
    Bjus, Paolla do gp ou @FcNeymarLove_

    ResponderExcluir
  17. recomecarnjr.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  19. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  20. Continua por favor

    Joy

    ResponderExcluir
  21. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  22. Garota cadê você???? Continuaa tua fic é maravilhosa, não esquece daqui

    ResponderExcluir
  23. Garota cadê você???? Continuaa tua fic é maravilhosa, não esquece daqui

    ResponderExcluir
  24. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  25. CADÊ VOCÊ MANO? CONTINUAAAAAAA

    ResponderExcluir
  26. Não vai postar mais ? Continua logo .

    ResponderExcluir
  27. Continua logo se você ficar demorando tanto assim pra posta os capítulos , Deixa agente mais anciosa ainda , E você vai acaba perdendo os seus leitores do blog , Desculpa tá falando isso mais é verdade !!!

    Continua logo
    Continua logo
    Continua logo
    Continua logo
    Continua logo

    ResponderExcluir
  28. Eu sei que você tem suas coisas pra fazer mais eu adoro ler o seu blog e quando você não posta os capitulos eu fico super triste !!!

    ResponderExcluir
  29. Comecei a ler algum tempo atrás e parei aqui. Maravilhosa essa história.
    Indica o meu blog?
    http://feitosparaooutro.blogspot.com.br/
    Ficaria grata, bjs

    ResponderExcluir
  30. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  31. http://vocemetrouxeliberdade.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  32. MDs eu preciso saber do final dessa história voltaaa

    ResponderExcluir
  33. Continua logo já tô ansiosa pra ver o que vai acontecer !!!



    Porque você não posta dois capítulos por dia a tarde e a noite , assim você não me deixa ansiosa , Continua logo !!!

    ResponderExcluir
  34. Volta por favor , volta



    Volta mulher , sinto tanta faltar de ler os capítulos eu fico até ansiosa , Às vezes eu fico aqui relendo e relendo espertando por mais capítulos !!!



    Continua logo
    Continua logo
    Continua logo
    Continua logo
    Continua logo

    ResponderExcluir